Dom24062018

Ultima atualização02:52:47 AM

Font Size

Profile

Menu Style

Cpanel
Genivaldo Jose Caixeta

Genivaldo Jose Caixeta

Quinta, 11 Setembro 2014 16:43

Ronald Foi prata no Brasileiro Sub 23

Realizado em São Paulo no fim de semana 06 e 07 Os Campeonatos Brasileiros Caixa de Atletismo Sub 23, Ronald Morais da Silva (EJA/Jataí) que ainda é Juvenil foi quarto colocado nos 5.000 e Vice-Campeão Brasileiro nos 10.000 metros rasos, com o resultado o Atleta uma vez mais fará parte da Delegação do Brasil que participara nos dias 03 e 04 de Outubro do Campeonato Sulamericano Sub 23 em Montevideu-URU.

Foi realizado neste final de semana, 30 em Rio Verde, as provas de Atletismo dos Jogos Abertos de Goiás 2014, uma pista de Terra de 400 metros foi construida e esperamos ficar como legado dos Jogos à Comunidade do Atletismo de Rio Verde, representada pela Escolinha de Atletismo e Fundação Social JP, dirigida pelo Professor João Pinto que tem levado o nome de Rio Verde a todos os lugares de Goiás e do Brasil.

No proximo final de semana os Jogos ser5ão na cidade de Catalão, onde esperamos a adesão  dos Atletas daquele município.

 

26|08|2014 - 14:06 | Da Assessoria de Imprensa da CBAt

 

São Paulo - Há 10 anos, o brasileiro Vanderlei Cordeiro de Lima protagonizou o momento mais emocionante dos Jogos Olímpicos de Atenas-2004. Na última prova do evento, no domingo 29 de agosto, o paranaense nascido em Cruzeiro d'Oeste ganhou a medalha de bronze na maratona, com 2:12:11. Ele ficou atrás apenas do campeão Stefano Baldini (Itália), que marcou 2:10:55, e do vice Mebrahton Keflezighi (eritreu que competia pelos Estados Unidos), com 2:11:29.

Nascido em 11 de agosto de 1969, morador de Maringá, no norte do Paraná, Vanderlei tinha todos os motivos para comemorar o terceiro lugar, como se fosse o título olímpico.

Ele esteve sempre no pelotão de frente e antes dos 20 km assumiu a ponta, passando à frente do sul-africano Hendrik Ramaala. Foi Vanderlei o corredor que esteve mais tempo na liderança da prova, uma das mais nobres do programa olímpico. Especialmente para esta edição dos Jogos, em que os organizadores prepararam um percurso histórico, desde a localidade de Maratona até o Estádio Panathinaiko, no centro de Atenas. Refazendo o percurso feito pelo soldado Feidipides no século V aC, para informar a vitória dos gregos sobre os persas.

Com mais de 40 segundos de vantagem sobre o segundo colocado, quando já corrido 1:52:00, Vanderlei foi empurrado por um espectador, que levava um cartaz às costas com frase de confuso teor religioso. Foi uma falha da segurança, que demorou para agir. O corredor assustou-se com a presença do agressor, que conseguiu empurrá-lo até um dos lados da pista, sob os protestos das demais pessoas, que correram para livrar o atleta, entre eles o grego Polyvios Kossivas.

Vanderlei voltou à prova, apesar da atitude antidesportiva que prejudicou sua performance. Ele, que havia preparado com o técnico Ricardo D'Angelo, um plano de treinamento completado com dois meses de preparação em altitude, em Paipa, na Colômbia.

Apesar da interrupção de seu ritmo de corrida, Vanderlei ainda manteve a ponta por quase oito minutos. Stefano Baldini o superou quando o cronômetro da prova apontava 2:00:00. Logo depois, também Mebrahton Keflezighi o ultrapassou, assumindo o segundo lugar.

Vanderlei manteve a terceira posição e foi ovacionado ao entrar no Estádio Panathinaiko, pouco antes de completar os 42,195 km da prova, ele começou a comemorar o lugar no pódio. O feito do corredor paranaense, que fora lavrador na adolescência, foi reconhecido e elogiado pela mídia mundial.

Em sua carreira, Vanderlei tem, ainda, o bicampeonato pan-americano conquistado em Winnipeg-1999 e Santo Domingo-2003. Seu recorde é 2:08:31, conseguido em 8 de fevereiro de 1998, em Tóquio. Também ganhou a medalha de prata no Mundial de Maratona de Revezamento na Dinamarca, em 1996, e bronze na copa do Mundo de Maratona na Grécia, em 1997.

Em reconhecimento a seu espírito desportivo, o Comitê Olímpico Internacional concedeu ao atleta a Medalha Pierre de Coubertin, de restrita distribuição.

Vanderlei, à época atleta da BM&F, atualmente, faz parte da Assembleia Geral, poder máximo da Confederação Brasileira de Atletismo e integra o Programa Caixa Heróis Olímpicos, que busca divulgar o Atletismo.

"O feito do Vanderlei foi extraordinário, tanto que até hoje ele é lembrado como o grande nome daquela Olimpíada", diz o presidente da CBAt, José Antonio Martins Fernandes, que então era presidente da Federação Paulista. "Ele está entre os grandes atletas de nossa história", concluiu o dirigente.

 

A Internacional Association of Athletics Federations (IAAF) ja remeteu para a Federação Goiana de Atletismo os certificados dos Treinadores que foram aprovados no Curso Nivel 1 realizado entre os dias 22 a 31 de maio. Os treinadores de Goiás podem buscar os certificados na sede da FGAt e os das cidades distantes e de outros estados devem entrar em contato com a FGAt via email para atualizarmos o endereço para envio via Sedex.

Realizada no sábado 16 e domingo 17, na Uni Evangélica em Anápolis, a Clinica de Meio  Fundo e Fundo, opinião unânime entre os participantes foi que o legado que o evento deixará para o atletismo será grande, pois foram ricos os debates dado ao auto nível do palestrante Professor Adauto Domingues e dos treinadores presentes.

Além de Goiás, outros 07 estados enviaram representantes, destaque especial para o professor Massaaki Nomura, treinador da seleção Japonesa de atletismo, e dos atletas: Ronaldo da Costa, ex recordista mundial da Maratona e de Udson de Souza um dos maiores meio fundistas do Brasil em todos os tempos.

Veja em(REGULAMENTOS) PISTA a relação dos inscritos para a Clinica de meio Fundo e Fundo que será realizada no proximo final de semana 16 e 17, veja se seu nome consta da mesma, senão siga as instruções contidas no rodapé da lista.

 

A Confederação Brasileira de Atletismo, e a Federação Goiana de Atletismo, confirmam para os dias 16 (Sabado) e 17 (Domingo) na Faculdade Uni-Evangélica em Anápolis a realização da Clinica de Meio Fundo e Fundo que será ministrada pelo treinador Adauto Dominges.

Entre outros atletas treinados pelo Professor Adaulto o destaque é o Bi Campeão da Maratona de New York Marilson Gomes.

Entre os participantes da clinica alem dos treinadores de Goiás, outros nove estados estão enviando participantes, e um destaque todo especial às participações do Treinador da Seleção Japonesa de Atletismo Masaaki Nomura e dos ex Atletas: Hudsom e Ronaldo da Costa.
Todos os que solicitaram inscrições e não receberam por parte da FGAt (INDEFERIMENTO) estão autorizados a participarem.

 

 

Recebemos por parte da Confederação Brasileira de Atletismo, solicitação de vaga para participar da  Clinica de Meio Fundo e Fundo, do treinador Maasaki da delegação Japonesa, que se encontra no Brasil, já fazendo a preparação da equipe nacional do Japão para a Olimpíada Rio 2016. Com esta participação internacional e mais as participações de treinadores de atletismo de Goiás e mais nove estados o evento já se afirma como um dos principais já realizados em nosso estado.

Informamos para os treinadores Goianos, que atentem a data de 30 de julho que se dará o encerramento das inscrições.

A clinica será realizada na UniEvangelica em Anápolis nos dias 16 e 17 de Agosto.

Treinadores de Nove estados: Goiás, Tocantins, Distrito Federal, Minas Geais, São Paulo, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Bahia e Rio Grande do Sul, já confirmaram as suas inscrições para participarem da Clinica de Meio Fundo e Fundo que será ministrada em Goiás nos dias 16 e 17 de agosto pelo Professor Adauto Domingues.

O grande interesse se justifica pela qualidade do professor Adauto Domingues:  Depois de ter batido o recorde brasileiro juvenil dos 1.500 m, no dia 22 de fevereiro, em São Paulo (SP), Thiago do Rosário André superou o recorde sul-americano da prova, que era 3:40.86 e pertencia há dois anos ao argentino Frederico Bruno, marca feita em Fortaleza (CE). Thiago correu a prova neste último fim de semana na pista Adhemar Ferreira da Silva, em 3:40.59 pelo Torneio FPA Adulto, Combinadas e Juvenil, em São Paulo (SP).

Com o resultado, o atleta nascido em Belford Roxo no dia 04 de agosto de 1995, obteve mais uma vez o índice CBAt para o Campeonato Mundial de Juvenis, em julho, na cidade de Eugene, nos Estados Unidos. Thiago tem também a marca mínima nos 800 m (1:47.85) para a competição nos Estados Unidos.

A grande temporada de Thiago não se resume às provas olímpicas. Em maio, ele bateu o recorde sul-americano juvenil dos 3.000 m no GP São Paulo Caixa, com 8:00.86, e, três dias depois, no GP Caixa Sesi, em Uberlândia (SP), se converteu no primeiro atleta sub-20 a completar a distância em menos de 8 minutos: 7:59.02.

Treinado por Adauto Domingues e companheiro de preparação do maratonista Marilson Gomes dos Santos, Thiago venceu com tranqüilidade.

Com a realização da Clinica a Federação Goiana de Atletismo comemora um importante ciclo para o aperfeiçoamento dos nossos treinadores e terá realizado Clinica de Saltos Horizontais com o treinador de Cuba (Heina), Clinica de  Arremessos e Lançamentos com o também Cubano (Baloy) Curso de Mini Atletismo, Curso Nivel 1 para formação de Treinadores de Atletismo com certificação IAAF. Também na área de arbitragem cursos e reciclagens foram promovidas.

 

14|07|2014 - 16:58 | Da Assessoria de Imprensa da CBAt

São Paulo - Terminada a Copa do Mundo de Futebol, o Brasil volta-se completamente para a Olimpíada do Rio 2016. O sucesso na organização da Copa deixa todos os brasileiros com a certeza de que os Jogos irão superar as expectativas.

Parceira da CBAt, fornecedora dos uniformes das Seleções Brasileiras de Atletismo, a Nike já iniciou sua campanha.

O AMANHÃ COMEÇA AGORA é o tema de um vídeo da empresa, com a participação de atletas da Nike. Quem abre o vídeo, por sinal, é um nome do Atletismo: Ana Cláudia Lemos Silva, recordista brasileira dos 100 m e 200 m, e finalista do 4x100 m na Olimpíada de Londres 2012 e no Campeonato Mundial de Moscou 2013.

VEJA O VÍDEO NO LINK ABAIXO:

https://www.youtube.com/watch?v=Of0CcYPgYCM#action=share